Colonia del sacramento
clear sky
25 ° C
25 °
25 °
73%
2.1kmh
0%
Tue
29 °
Wed
33 °
Thu
33 °
Fri
26 °
Sat
28 °

Colonia del Sacramento – Uruguai

A photo posted by Boralá (@boralablog) on

Colonia del Sacramento
A cidade portuguesa no Uruguai



 

Sabemos de cara que vamos curtir uma cidade quando ela está relacionada com as palavras-chave: colônia, histórico, portuário ou a frase patrimônio da humanidade da UNESCO – título conquistado pelo nosso último destino no Uruguai.

Fundada em 1680 pelo português Manuel Lobo, Colonia del Sacramento foi uma região  de disputada acirrada entre Portugal e Espanha no passado, e foi passando de mãos em mãos desde a sua fundação até a independência do Uruguai, em 1828.

A beleza arquitetônica que a cidade exibe hoje é fruto da mistura de ambas as culturas,  nos estilos de prédios e construções, tal mistura fica evidente.

De fácil acesso, entre Montevidéu e Buenos Aires, Colonia del Sacramento recebe milhares de turistas por ano e está entre os destinos mais procurados do território uruguaio. Conhecendo a cidade de perto, é fácil saber o porquê, então boralá…


Leia mais

 

colonia-del-sacramento-calle-des-suspiros
Esquina dos Suspiros – crédito: Claudia B.

 

Como chegar 

Colonia é uma cidade de muito fácil acesso, por água e terra de Buenos Aires ou Montevidéu. Nós partimos da capital uruguaia – rodoviária – 

Vale saber

Os ônibus no uruguaios são, modernos, pontuais e quase sempre equipados com wi-fi e ar condicionado

Durante o dia há ônibus disponíveis a cada meia hora entre Montevidéu e Colonia del Sacramento. Várias companhias oferecem o transporte até Colonia de Montevidéu, então não é necessário fazer reservas antecipadas.

 

Transporte 

Montevidéu     Colonia del Sacramento

– ônibus: COT
– valor: 
+ – R$ 28,00 / 258 pesos
– tempo: 
2:20 min.

Buenos Aires   →  Colonia del Sacramento

– balsa: Colonia Express 
– valor:  
+ – R$ 96 reais / 710 pesos
– tempo: 
1 hora

 

A Rodoviária de Colonia fica muito perto também do porto, onde chegam os barcos da Argentina – porto – . Por água, a viagem é feito cortando o famoso rio da Prata, viagem essa que dura uma hora.

Existem duas opções, o Colonia Express, que custa 710 pesos para 1 pessoa (50% do valor quase são imposto) e a outra opção é o Buquebus. , porém como não chegamos a usar, não sabemos como é o serviço, mas parece ser mais barato.

 

O que fazer

Assim que chegamos, decidimos fazer o que há de melhor numa cidade nova: caminhar pelas ruas charmosas e impregnadas de história.

Outro programa imperdível é assistir ao pôr do sol na orla da peninsula, próximo ao porto de Vates, uma visão deslumbrante e indescritível de tão bonita. 

Nessa hora do dia as pessoas aproveitam a vista dos terraços dos bares e restaurantes para fazer um Happy Hour. Curtimos muito o resto-bar Rio de La Plata, pela qualidade de sua comida, boa música e além disso, abrigar uma galeria de arte.

Nossa estadia em Colonia del Sacramento durou apenas dois dias, mas que foram bem aproveitados. Conhecemos a cidade caminhando e visitando monumentos históricos muito interessantes, destacamos os mais bacanas a seguir:

Cidade histórica (A calle Solis, calle San Pedro, Fortaleza, Igreja e arredores).

O farol, onde é possível ver a cidade Buenos Aires nos dias de céu limpo.

Plaza de Toros Real de  San Carlos uma antiga arena de tourada (mini coliseu). Infelizmente não tivemos tempo para visitá-lo, mas recomendamos fortemente.

Os grafites de Colina de Sacramento (caminho das praias).

por-do-sol-colonia-del-sacramento
Rio de la Plata – crédito: Claudia B.

colonia-del-sacramento-happy-hour
Colonia del Sacramento – crédito: Claudia B.
casa-histórica-colonia-del-sacramento
Casa histórica – crédito: Lucas CN
daniel-barbeito-grafite-artes-de-rua-colonia-del-sacramento
Casa histórica – crédito: Lucas CN

 

Onde Ficar

O hostel que escolhemos em Colonia del Sacramento foi o El Viajero (que faz parte de uma rede de hostels uruguaios, onde ficamos em outros destinos e gostamos muito), mas sua popularidade é tamanha que a unidade da cidade estava lotada, então fomos à procura de outro local.

Nos recomendaram o HI Hostel Colonia, que por sinal fica bem próximo ao El Viajero, e foi pra lá que seguimos. Recomendamos os dois, mas embora o Colonial não deixe a desejar, ainda gostamos mais do El Viajero.


Veja mais

 hospedagem em Colonia del Sacramento

Lembre-se, sempre filtre sua busca. Fique de olho nas promoções e
cancelamento grátis. Não deixe passar, reserve!


 

Localizado numa das principais ruas da cidade, perto de bares e restaurantes, o hostel foi uma agradável surpresa. Construído numa antiga casa colonial, conta com quartos espaçosos e tetos altos (característica arquitetônica da época) e os banheiros são individuais e grandes.

O staff receptivo é amigável e nos ajudou dando dicas para aproveitar a cidade, e além disso o hostel oferece bicicletas gratuitas aos hóspedes.

Curiosidade

Uma particularidade interessante de Colonia del Sacramento são os carros antigos ”abandonados” nas ruas, que acabaram se tornando atrações turísticas da cidade. Vale a pena conhecer!

carros-antigos-colonia-del-sacramento
Colonia del Sacramento – crédito: Lucas CN

carros-antigos-calhambec-colonia-del-cacramento
Colonia del Sacramento – crédito: Lucas CN
carros-antigos-colonia-del-sacramento
Colonia del Sacramento – crédito: Lucas CN
carros-antigos-colonia-del-sacramento
Colonia del Sacramento – crédito: Lucas CN

 

Quando ir

Colonia del Sacramento é uma cidade aconchegante, lugar ideal para caminhar por suas ruas calmas e descansar, com isso nem o inverno esfria o encanto do lugar. A cidade possui uma praia, mas ai sim é para os aventureiros do verão.

Com todas essas características, podemos dizer que ao longo do ano é válido visitar Colonia del Sacramento, seja vindo de Buenos Aires ou de Montevidéu.

Temperatura média anual
Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez
°C 24 24 22 18 15 11 11 13 14 17 20 22
°F 75 75 72 64 59 52 52 55 57 63 68 72

@holiday_weather

Colonia del Sacramento é linda, puro charme, mas o mochilão continuar, embarcamos no Colonia Express, cruzamos o Rio da Prata e desembarcamos na primeira cidade argentina do nosso mochilão, a capital – Buenos Aires!

 



Compartilhar

Deixe sua crítica, comentário e mais DICAS se tiver. BORALÁ!!