El Chaltén, Patagônia
La Capital Nacional del Trekking



 

Picos e montanhas imponentes, lagos de um azul único, tudo isso com muita trilha – Bem vindos a El Chaltén na Patagônia Argentina – .

El Chaltén está meio fora da rota de viajantes brasileiros, são poucos os que conhecem. Muitos vão para a vizinha El Calafate e não esticam até Chaltén. El Chaltén é conhecida por ser a Capital Nacional del Trekking na Argentinae famosa também pelos paredões para escaladores do mundo todo.

Poderíamos até chamar de vila ou vilarejo, pois El Chaltén é uma micro cidade instalada na base da pré-cordilheira na Ruta 40, bem ”equipada” com diversos restaurantes, bares, cafés e claro, Hostals e Hospedarias (pousadas).

A cidade é linda de qualquer canto, digna de cartão postal, ela tem o estilo ”velho-oeste” patagônico. Em 2014 ganhou o segundo lugar no ranking de cidades a se visitar no mundo pelo guia Lonely Planet publicado em 2015, hoje, um dos cenários mais fotografados do mundo.

fitz-roy-el-chalten-patagonia
Chegaad a El Chaltén – crédito: Lucas CN

el-claten-capital-trekking
EL Chaltén – crédito: Claudia B.

Como chegar

Assim que compramos o tour para a geleira Perito Moreno na agência de turismo em El Calafate, já garantimos nossas passagens com antecedência para El Chaltén. Já havíamos absorvido essa valiosa dica sobre viajar pela Patagônia.

Dica

Na Patagônia, sempre compre as passagens com antecedência, ja mais na última hora durante a alta temporada (verão)

Chegar pela Ruta 40 impressiona, mais ainda no trecho El Calafate – EL Chaltén. As três horas de viagem passaram como se fosse 15 minutos. Na chegada todos vão até a frente do ônibus, senta-sem ao lado do motorista para tirar fotos da paisagem.

El Calafate por ter o aeroporto mais próximo de El Chaltén, é o portão de chegada para quem quer visitar. Por tando se estiver programando Perito Moreno, considere também o Fitz Roy.

Existem ônibus diários de El Calafate para El Chaltén o ano todo, o que não ocorre por toda a Patagônia. Na volta para El Calafate, você pode até avisar o motorista que vai para o aeroporto que ele te deixa lá. Para maiores informações de empresas e horários.

O centro de visitante de El Chaltén que fica na rodoviária é repleto de mapas e folhetos informativos para os viajantes. Se tinha alguma dúvida ainda sobre o lugar dali não passa. rs.

A nossa, chegada a El Chaltén foi algo que marcou! Chegamos perto da hora do por do sol com a lua dando as caras do lado oposto ao sol, e na nossa frente ele, o Fitz Roy.

Transporte 

El Calafate   →   El Chaltén

– ônibus: Chaltén Travel
– valor: atualizado no site
– tempo: 3:00 hora

 

rodoviaria-el-calafalte-chalten-travel
Rodoviária de El Calafate – crédito: Lucas CN.

el-chalten-argentina-patagonia
El Chaltén com Fitz Roy de fundo – crédito: Claudia B.

Onde ficar 

Saindo da rodoviária fomos direto nos acomodar. El Chaltén é pequena, possível de caminhar de um ponto a outro com mochila, mas por conta do trekking em Torres del Paine, no Chile, nossos joelhos ainda não estavam legais e preferimos poupar 15 minutos de mochila nas costas por um taxi.

Nos hospedamos na pousada Pioneros del Valle e simplesmente adoramos. Creio que todos os quartos tenha uma vista incrível. A pousada serve o tradicional café da manhã argentino, torradas, geleia, leite e café, mas também disponibiliza uma cozinha para os hóspedes que querem cozinha e claro, wifi. Porém não espere muito em qualquer lugar.

No fundo da pousada tem 4 churrasqueiras para os hóspedes. Claro que nós aproveitamos a vista para o vale e montanhas nevadas para celebrar de forma tradicional patagônica. Outro ponto positivo da pousada é que fica muito próxima as entradas das trilhas, o que conta muito na volta.


Veja mais

→ hospedagem em El Chaltén

Lembre-se, sempre filtre sua busca. Fique de olho nas promoções e
cancelamento grátis. Não deixe passar, reserve!


 

pioneros-del-valle-patagonia
Hostel Pioneiros del Vale – crédito: Lucas CN

 

O que fazer 

O cerro Fitz Roy é a maior atração de El Chaltén. Pico rochoso de uma montanha, é destaque em quase qualquer ponto da cidade. Por conta desse e outros picos rochosos, El Chaltén é também a Méca para quem pratica escalada. São diversos percursos de vários níveis diferentes. Mas não é escalada o turismo mais forte da cidade.

El Chaltén não leva o nome da Capital do Trekking a toa, são muitas trilhas para você se aventurar por um dia, acampando, em nível de dificuldade baixo, médio e alto. Não importa a direção, o cenário será sempre espetacular.

Hinking (caminhas nas trilhas) é o que mais leva turistas para a cidade. Todo mundo, atletas e mochileiros querem caminhar por um dos cenários mais lindos do mundo, fato. Muita pessoas também vão para se aventurar nos trekkings e campings pelo parque.

mapa-trilha-el-chalten
Mapa de Trilha em EL Chaltén

 


Listamos 3 trilhas para se fazer em El Chaltén

Qualquer trilha que você entre, a vista no fim da linha será algo grandioso. Para quem quiser saber mais sobre as trilhas de hiking e trekking, listamos 3 trilhas para aproveitar em um dia.

– Laguna Capri

Distancia: 12km – ida e volta
Duração: 3-4 horas
Trilha curta que oferece vista para Laguna Capri, lago de água azul brilhante, além de uma vista para o maciço Fitz Roy e seus picos.

– Laguna Torre

Distancia: 24km – ida e volta
Duração: 6-7 horas
A trilha Laguna Torre é a mais clássicas e popular de El Chaltén. Se você tem apenas um dia, vai por essa, na primeira parte a vista é do cerro  Torre (Chile) e o fim da trilha é a vista do Fitz Roy.

– Laguna de los Tres

Distancia: 26km – ida e volta
Duração: 8-10 horas
Essa trilha oferece as melhores vistas da parede de granito de Fitz Roy Fitz Roy e as geleiras, mas também é a mais difícil e a mais longa das caminhadas. Alguns escolhem acampar pelo caminhos, mas é possível fazer em um dia.



 

paisagens-patagonia-el-chalten
Patagônia – crédito: Lucas CN

cavalgada-patagonia-el-chalten
Gaucho argentino – crédito: Lucas CN

 

Cavalgar na Patagônia é outra maneira também de aproveitar as lindas paisagens, foi uma ótima escolha, pois infelizmente, muito mesmo, nossos joelhos (Claudia e eu) estavam judiados do trekking em Torres del Paine e não pudemos pegar nenhuma trilha. :/

As paisagens deslumbram qualquer um, são rios descendo de geleiras no topo das montanhas, cortando os vales com a cultura enrrustida nos locais. Tudo o que um viajante gosta de ver. O guia nos leva até um abrigo no topo da montanha para nos preparar um café quente. Uma hora para ir, meia hora desncasando e uma hora de volta.

Novamente dando um pitaco na hospedagem, nossa pousada eram tão bem localizada que ficava de frente para uma cervejaria artesanal, a Cervecería artesanal El Chaltén. Havia apenas duas na época, e estavamos de frente pra uma.

cavalgada-patagonia-el-chalten
Passeio a cavalos na Patagônia – crédito: Lucas CN

cavalgada-el-chalten-patagonia
Cavalgada – Fitz Roy – crédito: Claudia B.

 

borala-blog-fitz-roy-el-chalten
Boralá blog – crédito: Viajante do tour

Quando ir

A melhor época para visitar El Chaltén é sem dúvida entre novembro e março, durante o verão patagônico. Mas vale lembrar que o tempo pode virar drasticamente de uma hora par a outra na Patagônia. Esteja preparado para sua trilhas.

El Chaltén foi uma descoberta incrível, daquelas que pretendo voltar, ainda mais por estar machucado na época que fui a primeira vez. TUDO, absolutamente tudo é incrível nesse lugar.

Seguimos nosso mochilão pela Ruta 40, dessa vez foram 13 longa horas de ônibus, mas com uma história incrível de viagem, mas fica para o próximo post em Los Antigos, também na Argentina.

 


Leia mais


buenos-aries-argentina
Leia mais
ushuaia-patagonia-argentina
Leia mais
el-calafate-patagonia-argetina
Leia mais
punta-arenas-patagonia-chile
Leia mais
puerto-natales-patagonia-chile
Leia mais
isla-magdalena-magalhaes-patagonia-chile
Leia mais


Turismólogo de profissão, Lucas é o faz de tudo no Boralá (inclusive escrever em 3ª pessoa, rs), desde montar o site, otimizar os texto, tratar cada foto, mídia social etc… Lucas se diverte criando, escrevendo e claro, viajando.

13 COMENTÁRIOS

  1. Adorei El Chaltén! Fui ha dois anos atrás, fiz a a trilha da Laguna Capri e da laguna Torre!
    Voltei exausto, mas valeu a pena. As trilhas estão entre as mais belas do mundo!

  2. Nossa, que sorte vocês tiveram, olha esse céu azul! Não fui a El Chaltén porque tinha um sonho guardado há anos de conhecer TdP, e eu só pensava: já pensou se estiver nublado e eu não consguir ver os picos? São Pedro foi bom e só no terceiro dia o tempo fechou. Quero muito voltar a El Calafate, que adorei, e fazer ao menos uma trilha em El Chaltén. Boas suas dicas, obrigada por compartilhar.

  3. Comecei lendo teu texto pensando: Caspita….. Meu filho vai demorar muito para crescer! Mas adorei saber que é possìvel fazer essa trilha a cavalo. Como estamos planejando retornar à Europa no ano que vem, quando voltarmos pra cà, o Léo estarà com mais de 5 anos…. Acho que dà para encarar!
    Otimas dicas e fotos!

    • Olá Juliana, que legal que você gostou!
      Sim, creio que com 5 anos já fica mais favorável, exitem outra coisas além de trilhas além do passeio a cavalo como visitar fazendas de ovelhas.
      Vão que vocês vão gostar muito.

  4. Sou louca para conhecer essa região! Adorei o post bem informativo, com dicas e as fotos que estão lindíssimas. Aliás, adorei a dica do passeio a cavalo. Acho que normalmente não faria, mas com uma vista dessas, é uma forma legal de ir apreciando a paisagem né.

    Abraços

Deixe sua crítica, comentário e mais DICAS se tiver. BORALÁ!!