Templo Borobudur
Maior templo Budista – Indonésia



 

 

O templo Borobudur não é só o maior templo Budista da Indonésia, como também o maior templo Budista do mundo! Monumento que já foi abandonado na floresta tropical de Java, hoje é patrimônio da humanidade pela UNESCO.

Não é só por seu tamanho que o templo Borobudur é famoso, é mundialmente conhecido pelos detalhes em suas paredes, painéis, Estupas e em seus 504 Budas esculpidos em rocha vulcânica.

Passei a saber sobre sua existência do templo, quando um amigo australiano, também viajante, estava rodando pela Indonésia e postou em seu facebook das Estupas Budistas em Borobudur. Foi paixão a primeira vista pelo lugar. 🙂

Nuncas planejei ir até o templo, embora sempre me chamou a atenção, mas quando decidimos que iríamos para Bali na Indonésia em 2018, a única coisa que eu tinha certeza era que faria de tudo para visitar esse templo, e deu certo!

templo-borobudur-indinesia-ilha-de-java
Estupas Budistas – crédito: Lucas CN
templo-budista-borobudur-indinesia-ilha-de-java
Buda dentro de uma Estupa – crédito: Lucas CN

O templo Budista Borobudur fica localizado na Ilha de Java, uma das mais de 17 mil ilhas da Indonésia, ilha vizinha a ilha de Bali (a qual fomos para passar 3 semanas).

Em uma escapada de 3 dias, pegamos um avião de Bali com destino a Java para conhecer o templo Budista, Prambanan, templo Hinduísta e escalar o vulcão Mont Bromo.

Como chegar

Partindo de Bali, são diversas as opções para se chegar até Borobudur.

Dicas

Vôos domésticos na Indonésia podem ser muito baratos, principalmente se comprar com antecedência. Os valores podem variar muito entre as empresas aéras, mas mesmo o mais caro, ainda assim é muito viável

Ônibus ou até mesmo um combo de ônibus, balsa e trêm são sem dúvida as opções mais baratas, porém longas e cansativas.

A melhor opção é pegar um vôo doméstico de Bali até Yogyakarta, além de rápido é muito prático e barato.

Transporte

 Bali   →   Yogyakarta

– Avião: Garuda
– Valor: R$ 220 (2018)
– Tempo: 1:30min

 

Na cidade de Yogyoakarta está localizado o templo hinduista que fica á 15 minutos do aeroporto e de carro, o templo budista está a 1h:45min. Como os dois templos são relativamente perto, em 3 dias é possível visitar tudo como planejado.

De Yogyakarta você pode pegar um ônibus ou mesmo um táxi no aeroporto. Eu já havia contratado com antecedência um serviço de motorista, o Bertu, que estava Nos esperando na minha chegada.

Se resolver se arriscar em um táxi direto do aeroporto, o valor cobrado deve ficar em torno de 350.000 rúpias, média de 85 reais (2018).

Eu fechei 2 dias de passeios com uma empresa Green Nirvana VIP, carro novo, privado que ficou a disposição. Paguei no total 1.000.000 rúpias, média de R$250, o que achei cômodo por se tratar de uma cidade onde poucas pessoas falam inglês e mão inglesa para dirigir.

 

Visita ao templo de Borobudur

O plano era chegar em Yogyakarta e visitar no mesmo dia o templo de Prambanan, o maior templo Hinduista da Indonésia e seguir para a vila onde localiza-se o templo Borobudur.

Porém aterrisando na cidade, um ”pé d’água” veio junto, então o Bertu nos oritentou a irmos direto para Borobudur e voltaríamos no dia seguinte um pouco mais cedo para visitar o templo Hinduísta por conta da chuva. Trato feito!

Lá estava eu embarcando para encontrar com o majestoso templo Borobudur. A ideia era ver o nascer do sol do topo do templo, passeio muito procurado por turistas. Ver o sol raiar e abrir a vista para a floresta de Java e montanhas da região é realmente de tirar o fôlego.

templo-budista-borobudur-indinesia-ilha-de-java
Nascer do sol em Borobudur – crédito: Lucas CN
templo-budista-borobudur-indinesia-ilha-de-java
Nascer do sol Borobudur – crédito: Lucas CN

Caso deseje apenas visitar Borobudur sem pegar o nascer do sol, a melhor hora é pela manhã. Evite o sol do meio dia, pois faz muito calor na região e as pedras refletem muito calor além enfrentar longas filas.

Dicas
Por ser tratar de um templo sagrado, as vestes devem seguir alguns padrões. Shorts devem passar do joelhos e para mulhers ombros devem ser cobertos

 

Para valores atualizados do templo Borobudur e ou  pacotes para vistar também o templo de Prabanan, consute o site: Borobudur Park.

Onde ficar

Nos hospedamos em uma simples pousada, Homestay Anugrah Borobudur. Basicamente uma casa, onde a senhora sem falar nada de inglês, se comunica com uma gentileza tremenda. O valor foi de apenas R$ 40,00 com o café da manhã incluso.

Como ver o sol nascer era a prioridade, o alarme despertou as 3:45 da manhã, tempo só de se arrumar, e sair na caminhada ao encontro de Borobudur.

A pousada fica a 1km da entrada do templo, que hoje em dia, encontra-se dentro do complexo hoteleiro do Manohara Resort. Hotel de luxo, que lhe dá a comodidade de acordar mais tarde e já ter acesso ao atrativo.

Para visitantes que não se hospedam no resort, o valor da entrada é de para o Sunrise é de R$ 120 (2018) que nos dá o direito a um café da manhã simples na descida do templo.

templo-budista-borobudur-indinesia-ilha-de-java
Esculpas de Borobudur – crédito: Lucas CN
templo-budista-borobudur-indinesia-ilha-de-java
Buda de Borobudur em meio a floresta de Java. crédito: Lucas CN

A experiência de ver o dia nascer com aquela vista é algo mágico. Um daqueles lugares que você sente uma energia muito forte. Aos poucos, centenas de budas começam a aparecer. Foi um grande dia!

Após a beleza do nascer do sol e a luz dando vida ao templo, a visita realmente acontece, descendo e circulando Borobudur, você se surpreenderá em cada curva que fizer e cada detalhe que olhar. Levei quase 2 horas para chegar até a base novamente.

A visita termina com o café da manhã no Resort Manohara para quem fez o passeio do Sunrise. Além do café da manhã no resort, eu tive ainda um Nasi Goren (prato típico de arroz frito que eles comem no café da manhã, almoço e janta) de café da manhã na pousada.

Depois foi só o tempo de tomar um banho, e o motorista já estava nos esperando para nosso tour no templo Hinduísta de Prabanan, já na cidade de Yogyakarta, a 15 minutos do aeroporto da cidade para na sequência embarcar para Surabaya em direção ao vulcão Mont Bromo.

História e Curiosidade
sobre Borobudur

Acredita-se que o templo de Borobudur foi construido em 75 anos durante o século 9 no estilo budista javanês, porém, conta com traços da Índia.

Arquitetado com 6 bases quadradas e 3 circulares no topo finalizando com a maior das estupas do templo no centro dando a impressão de pirâmide. Além do total de 504 Budas, o templo contém mais de 2 mil painéis escupidos a mão retratando a religião. Realmente impressiona!

No século 14, não se sabe ao certo o porquê, mas o templo teve seu declínio e foi abandonado no meio da floresta tropical de Java, e rencontrado apenas no começo dos anos 1800 por um britânico totalmente debaixo de mato e cinzas vulcânicas.

O templo tem um formato de pirâmide quando visto de baixo, e de uma mandala quando visto de cima. Não se sabem ao certo a verdadeira tradução do nome Borobudur, mas acreditam estar ligado a “Budas da Montanha”, ou ”Cidade dos Budas”.

templo-budista-borobudur-indinesia-ilha-de-java
Floresta de Java e Borobudur – crédito: Lucas CN
templo-budista-borobudur-indinesia-ilha-de-java
Painel nas parede do templo: Lucas CN
templo-budista-borobudur-indinesia-ilha-de-java
Templo Borobudur – crédito: Lucas CN

Quando ir

A melhor época para visitar para ver o nascer do sol, é a época da seca, de abril a outubro. De novembro a março é a época da chuva, o que pode atrapalhar não só ver o sol nascer, mas todo o passeio.

Eu peguei o fim de março, tive sorte de não chover, mas o céu pode estar fechado mesmo sem chuva.


Leia mais


mochila-para-mochilao-escolher-viagem
Leia mais
certificado-internacional-de-vacinacao-anvisa
Leia mais
onde-ficar-chapada-veadeiros
Leia mais
festiva-do-camelo-deserto-rajastao-jaisalmer
Leia mais
senhas-wifi-aeroporto-mundo
Leia mais
despachar-bike-aviao
Leia mais

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here